fbpx

Por que a Plataforma EAD Marconi atende a NT 54?

A adoção de metodologia de EaD nas capacitações de SST traz à tona a necessidade de adequação das consultorias para prestação desse serviço. Veja no infográfico que preparamos, as características que sua marca de treinamento precisa ter, para atender sem erros a nova NT 54.

 

Projeto pedagógico:

Deve caracterizar e descrever a capacitação, os objetivos da capacitação, a infraestrutura física, as estratégias pedagógicas, os recursos tecnológicos, o material didático, as atividades a serem desenvolvidas e os mecanismos de avaliação.

Os treinamentos da Plataforma Marconi nascem com a criação de um Plano Instrucional – PI, onde o projeto pedagógico está inserido. Nele são elencados os objetivos de aprendizagem definidos para o treinamento, bem como os conteúdos que serão ensinados para formação da nova habilidade no trabalhador.

O PI define também as soluções instrucionais (recursos didáticos) escolhidas e que serão aplicadas a cada conteúdo, a ideia é utilizar o recurso mais adequado e eficiente para o processo de aprendizagem em andamento.

Neste quesito, a Plataforma Marconi é riquíssima! Pois estamos preocupados em fornecer uma experiência de aprendizagem completa, engajadora e envolvente. Para isso utilizamos recursos variados como: animações 3D, vídeos de instrução, infográficos, simuladores, jogos, textos para leitura, apostilas e reforçadores auditivos diversos, além do que, todas aulas são locutadas e interativas. O PI também identifica em seu conteúdo o sistema de avaliação utilizado e a necessidade de treinamento prático, conforme determina a NR em questão.

Estes recursos combinados, objetivam aplicar na prática as técnicas de Design Instrucional, as atividades da Taxonomia de Bloom, as técnicas Andragógicas e a teoria da Contingência por Reforçamento de Skinner. Pois, entendemos que o objetivo do treinamento é ensinar novos comportamentos aos alunos adultos. Estas estratégias contribuem para retenção do conteúdo aprendido, sempre com foco em potencializar a aprendizagem do trabalhador.

 

Duração:

A duração do curso a distância deve ser igual à duração do curso na modalidade presencial, já que a capacitação é prevista em NR, onde se estipula a duração mínima necessária.

A duração dos treinamentos da Plataforma Marconi atende o estabelecido nas NRs, bem como, garante que todos os conteúdos da grade de ensino são ensinados ao trabalhador.

Nossa metodologia oferece ainda uma vantagem. Devido a estratégia pedagógica adotada, o aluno-adulto tem seu ritmo e estilo de aprendizagem respeitados, pois nela, ele avança em sua aprendizagem a medida que interage com o conteúdo de forma ativa. Deste modo, estimulamos a autonomia e o autodidatismo do trabalhador.

 

Local, horário e tecnologias (2 itens tratados em conjunto):

1.Deve ser disponibilizado ambiente adequado à tecnologia que será utilizada na capacitação por EaD e semipresencial. A capacitação em SST deve ser realizada em horário de trabalho, e o acesso ao local de estudo deve ser franqueado pelo empregador, seja em suas próprias dependências ou na de terceiro contratado para realização da capacitação. Também deve ser garantido pelo empregador o acesso à mídia escolhida (televisão, computador, internet, login, senha, conforme o caso).

 2.A definição do uso das tecnologias a serem adotadas deve estar em consonância com a realidade do local onde será ministrada a capacitação. Deve-se verificar se há suporte e infraestrutura para a adoção das diferentes mídias que proverão a capacitação nos formatos EaD e semipresencial.

A versatilidade de nossa plataforma de ensino se adequa a variedade de infraestruturas dos clientes, permitindo ao empregador dar acesso aos treinamentos diretamente no posto de trabalho ou em ambiente adequado para essa função. O empregador pode configurar os períodos que deseja dar acesso aos treinamentos evitando assim passivos trabalhistas.

 

Interação:

Os projetos pedagógicos devem prever que as tecnologias adotadas na implementação de EaD e semipresencial proporcionem a interação entre os atores da capacitação, ou seja, deve-se propiciar a comunicação entre alunos e professores.

O apoio a aprendizagem do trabalhador passa por 2 pilares:

  1. Suporte técnico: Cujo objetivo é prover o acesso a plataforma de ensino, bem como zelar pela compatibilidade dos recursos tecnológicos e pela experiencia de aprendizagem ao longo de todo o treinamento.
  2. Tutoria: Cujo objetivo é dar o acompanhamento ao aluno em sua aprendizagem e tirar as dúvidas quando elas ocorrerem.

Para facilitar a comunicação entre instrutor e aluno estão disponíveis 3 meios: fórum para aprendizagem colaborativa, e-mail e telefone. As dúvidas enviadas são respondidas em até 48 horas.

 

Público alvo:

A seleção da modalidade de EaD e semipresencial deve considerar as características do trabalhador, tais como escolaridade e familiaridade com os recursos pedagógicos e tecnológicos necessários à implementação dessa modalidade de capacitação.

Os treinamentos da Plataforma Marconi objetivam primeiro formar a competência, para depois certificar. Por isso a preocupação que temos em “falar a linguagem” do trabalhador. Para facilitar a compreensão do aluno usamos linguagem dialogada e lógica, fazendo aproximações com a expressões do dia a dia do trabalhador, sempre que possível.

Buscamos na dinâmica dos jogos a inspiração para ativar e envolver o trabalhador independente de seu estilo de aprendizagem, seja ele: visual, auditivo ou sinestésico.

Os treinamentos da Plataforma Marconi exploram os inputs sensoriais e a linguagem para superar questões como escolaridade e familiaridade com a tecnologia para formar o comportamento seguro no trabalhador.

 

Profissionais:

Os profissionais da educação, que atuarem no EaD e semipresencial, além de terem formação condizente e específica conforme NRs, devem ter preparação específica para atuar nesse tipo de modalidade.

Nossos instrutores especialistas nas diferentes NRs, sem exceção, são preparados para atuarem de modo on-line e presencialmente. Para isso, desenvolvemos o Programa de Certificação de Instrutores da Plataforma Marconi, cujos objetivos são:

  • Garantir a proficiência do instrutor
  • Executar com excelência o papel de instrutor e tutor.
  • Agir conforme a etiqueta do prestador de serviço da Plataforma Marconi.
  • Realizar as atividades previstas: Antes, durante e depois do treinamento.

 

Conteúdo Prático:

É indispensável que os treinamentos práticos previstos em norma, caracterizados como aqueles que demandam a aprendizagem do trabalhador in loco, além de constar no projeto pedagógico, devem ser ministrados de forma presencial.

Oferecemos a modalidade semipresencial sempre que a NR assim o exigir. Nesta modalidade o trabalhador realiza a parte teórica na plataforma e a parte prática in Company.

A Plataforma Marconi tem uma rede de instrutores em todos o Brasil para ministrar os treinamentos práticos. Desse modo, conseguimos uniformizar os treinamentos, mantermos o padrão de excelência, e gerar todas a evidências necessárias às auditorias e fiscalizações onde a empresa estiver.

 

Sistemas de avaliação:

Existência de sistemas de acompanhamento e avaliação da aprendizagem, que sejam contínuos e efetivos, de forma a verificar o desenvolvimento das habilidades e o real aprendizado do conteúdo pelo trabalhador.

Criamos para os treinamentos da Plataforma Marconi um sistema de avaliação de aprendizagem que foca na fixação dos conteúdos. Ele funciona na seguinte dinâmica: A cada novo conteúdo aprendido pelo aluno, imediatamente são aplicados exercícios de fixação nos conteúdos mais relevantes a formação da nova habilidade.

Essa dinâmica se repete até o término de cada aula. Sua função é levar o conteúdo adquirido da memória de curto prazo para a memória de longo prazo, potencializando a aprendizagem.

No final de cada aula é aplicada a revisão de conteúdo cujo objetivo é gamificar o treinamento; ou seja, o aluno que possui aptidão superior a 70%, avança para a próxima aula assim como a mudança de “fase” que ocorre nos jogos eletrônicos.

O aluno que demonstrar aptidão ao longo de todo o treinamento, segue para a prova de suficiência que concederá o certificado ou para o treinamento prático no caso de treinamento semipresencial.

Destacamos que no sistema de avaliação da Plataforma Marconi o aluno é exigido ao longo de todo o treinamento e não apenas numa prova de 20 questões aplicada ao final do treinamento. Prática está infelizmente comum no mercado.

 

Responsabilidade:

Enfatizamos que, conforme rege a NT 54 do MTE, a responsabilidade de oferecer treinamentos de qualidade é do EMPREGADOR. E que rejeita-se a capacitação em SST puramente genérica, meramente protocolar e que não capacita o trabalhador para nenhuma atividade.

O EMPREGADOR responde pela capacitação de má qualidade mesmo quando a capacitação for terceirizada, devendo ser evitadas as marcas de treinamento cujo objetivo sejam somente a certificação sem critérios.

Assine nossa newsletter e receba novidades da Marconi!

;

Fale conosco

Atendimento via WhatsApp