Nesta semana, o governo do Presidente Jair Bolsonaro anunciou a primeira etapa de revisão de regras do setor, com mudanças em três normas regulamentadoras da área.

A justificativa é garantir a segurança do trabalhador com regras mais claras e racionais, capazes de estimular a economia e gerar mais empregos.

Ao todo, são 36 normas existentes, as NRs, que abordam mais de 6 mil regras sobre segurança e saúde do trabalho.

Com a alteração, a NR 1 agora vai liberar as micro e pequenas empresas da elaboração de programas de riscos ambientais e de controle médico e saúde ocupacional.

Ela também irá permitir o aproveitamento de treinamentos realizados por trabalhadores durante dois anos, quando houver mudança de emprego com a mesma atividade.

A NR 12, que aborda medidas de proteção para trabalhadores que operam máquinas e equipamentos, também foi alterada.

E a NR 2, que exigia a inspeção prévia de um auditor de trabalho para o início das atividades de micro e pequenas empresas, foi revogada pelo governo.

É importante continuar atento aos riscos que envolvem os trabalhadores da sua empresa em todas as etapas das atividades executadas e também que haja campanhas preventivas para a conscientização dos colaboradores de forma recorrente.

Outras mudanças estão sendo aguardadas no país com a finalização da revisão. Se você tem alguma dúvida sobre o assunto, entre em contato conosco para se atualizar e garantir que sua empresa cumpra todos os requisitos necessários para promover a saúde dos seus colaboradores!

Confira mais informações em: http://www.trabalho.gov.br/noticias/7187-governo-moderniza-normas-regulamentadoras-de-seguranca-e-saude-no-trabalho

Fale conosco